Destaques

História em quadrinhos: um recurso de aprendizagem

 

 

http://www.monica.com.br/comics/escola/pag2.htm

Faz tempo que os quadrinhos estão presentes nas escolas. Houve uma época em que circulavam, sorrateiramente, por baixo das carteiras ou eram camuflados entre as páginas do livro de estudos. E se fossem descobertos, era confusão na certa: confisco, castigo, bilhete para casa e até ameaça de ser mandado para a tão temida Secretaria!

Mas os tempos mudaram, as escolas se transformaram. Ainda que não com a rapidez de muitas transformações sociais e tecnológicas, as novidades da chamada indústria cultural vão aos poucos entrando no ambiente escolar. Os próprios alunos, alguns professores, determinados projetos, enfim, são variados os portadores das mudanças. Como uma fileira de pequenas formigas diligentes e carregadeiras, crianças, jovens e adultos, todos vão levando nas pastas, mochilas, bolsas e, sobretudo nas conversas e na imaginação, as experiências vividas além dos muros das escolas.

São redes que se tecem a partir das conversas e das trocas que acontecem cotidianamente, nos pátios, nos refeitórios, nas bibliotecas escolares, nas salas de aula. Hoje as histórias em quadrinhos são valorizadas como gênero literário que conjuga imagem e palavra, símbolos e signos. Sua linguagem se insere nos campos da cultura e da arte. Autores como Humberto Eco e Nestor Canclini, entre outros, estudiosos da chamada cultura de massa valorizam o potencial das HQ.

Nas escolas, os quadrinhos integram os livros didáticos e fazem parte do acervo das salas de leitura. Projetos pedagógicos elegem os quadrinhos como gênero textual a ser desenvolvido nas classes. Muitos professores e professoras buscam formação para melhor trabalhar com as revistas e também com as tiras que “frequentam” os cadernos culturais dos jornais.

www.tvbrasil.org.br/fotos/salto/.../181213historiaemquadrinhos.pdf

PROJETO 1º ANO – COOPERATIVISMO

TEMA – História em Quadrinhos

SEQUÊNCIA DIDÁTICA- Conhecer e construir uma história em quadrinhos.

OBJETIVOS:

- Aprimorar o potencial de escrita-leitura dos alunos através do gênero textual de história em quadrinhos;

- Desenvolver a criatividade escrita e artística.

CONTEÚDOS:

- Leitura, escrita, interpretação, número, quantidade, espaço, limites, pontuação, tipos de letra, gênero textual.

SÉRIE: 1º ano

TEMPO: 1 mês

MATERIAL NECESSÁRIO: gibis, material impresso, material para recorte e colagem, papel, cartolina; sala de informática.

JUSTIFICATIVA:

Como estamos na fase de construção da escrita e de hipóteses de escrita, o gênero da história em quadrinhos possibilita a leitura de um texto curto, onde a imagem auxilia na compreensão do tema\ texto escrito.

DESENVOLVIMENTO:

1ª AÇÃO

- Mostrar gibis e histórias em quadrinhos – fazer campanha para aquisição de gibis para leitura na escola.

- Levar os alunos ao laboratório de informática para lerem histórias em quadrinhos adequadas para a idade – Turma da Mônica, Smilinguido, dentre outras.

- Explicar para os alunos o porquê da história, balões, pontuação, fala, narração, ilustração.

2ª AÇÃO

- Providenciar:

a) Sequências de histórias em quadrinhos com ou sem fala para que numerem ou recortem e colem na ordem certa, observando as características dos personagens, sequência de cenas e ideias, quantidade de cenas, conversação sobre a cor da roupa dos personagens;

b) Quadrinhos com ilustração e outra com fala para colar no lugar certo, dando a sequência da história.

3ª AÇÃO

- Entregar a ilustração da história em quadrinhos, onde os alunos em dupla vão escrever a história de acordo com as imagens apresentadas  (máximo 6 quadrinhos), observando a sequência lógica (começo-meio-fim) da história.

-Apresentar a história em quadrinhos em power point (montar em sala com os alunos a história para a sequência de imagens).

-Transcrever para o caderno fazendo uso do travessão.

4ª AÇÃO

- Construir história em quadrinhos em trio – escrita, ilustração das cenas e personagens.

- Utilizar a régua para dividir os espaços das cenas (delimitar número de cenas, personagens, tema – atitudes cooperativas na escola).

- Expor os trabalhos na escola.

Avaliação:

Análise da construção e melhoria na leitura, escrita e interpretação dos textos, colaboração na produção dos grupos.

Grupo de trabalho:

Lilian Hemkemeier Seibert
Luciane Alves Vieira
Márcia Willemann

 

Envie para

Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.